Reinvente-se a cada idade, não fique pra trás.

Baixa testosterona atinge homens e mulheres em todas as faixas etárias!
Se você sente: cansaço excessivo, falta de energia para realizar tarefas cotidianas, desânimo, humor instável, depressão, baixa libido, ereções insatisfatórias, imunidade baixa, ganho de gordura incomum, perda de massa muscular e força, provavelmente tem deficiência de testosterona… Os níveis de testosterona num homem variam entre 350 e 1000 ng/dl. Depois dos 40 anos esses valores descem cerca de 1% por ano. Nas mulheres, embora não possa se definir um parâmetro universal, estima-se que entre 3 e 65 ng/dl seria um valor aceitável e que também, a partir de 40 anos começam a cair.
Temos visto a queda precipitada em ambos os sexos, provavelmente pelos hábitos de vida ruins, estresse, álcool, sedentarismo, obesidade, etc.
Também temos a partir do climatério/menopausa, a diminuição dos estrógenos nas mulheres, causando: Principalmente os fogachos (calores), queda da libido, depressão, dispareunia, sobrepeso, síndrome do pânico, câncer, cardiopatias e diabetes.

Usando doses fisiológicas de hormônios, conseguimos melhorar a qualidade de vida, composição corporal, prevenindo e tratando as comorbidades que surgem como consequências das quedas hormonais.

Principais hábitos que fazem nossa testosterona cair:
Falta de descanso (dormir incorretamente)
Estresse
Produtos industrializados na dieta
Carência de gorduras boas na dieta
Treinos com muita frequência e/ou volume
Evitar completamente gorduras saturadas e colesterol muito baixo.

Se você perguntar: “consigo um corpo todo malhado, apenas com dieta e treino?”
Sinceramente: não! Você consegue emagrecer e ficar seco. Mas para ter coxas, costas, peitorais e demais grupamentos musculares hipertrofiados – principalmente os grandes… você precisará de suplementos, nutracêuticos e dependendo dos níveis sanguíneos, precisará sim de hormônios! Mas sobretudo, você deverá comer comida saudável e amar os treinos de força!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.